Saiba o que são debêntures e entenda como ganhar dinheiro com elas

Imagina você emprestando dinheiro para uma grande empresa! Parece impossível, mas esse é o propósito das debêntures, um tipo de investimento conservador de renda fixa que costuma ter rentabilidade superior à da poupança e pode ser acessado diretamente ou por meio de fundos de investimento.

O que são debêntures 

Debêntures são títulos de renda fixa emitidos pelas companhias para financiar seus projetos e operações. Quando uma pessoa compra debêntures, na prática está emprestando dinheiro a uma empresa e receberá juros por isso. As empresas fazem isso porque é mais interessante captar dinheiro para seus projetos com investidores particulares, via debêntures, do que fazer empréstimos bancários. E não há necessidade de ter grandes valores. É possível investir a partir de R$ 1 mil.

Mas como funciona o pagamento dos juros? Isso depende de cada título. No momento que a debênture é emitida, já estão definidas as regras de rentabilidade. Em geral, os títulos de curto prazo são atrelados à taxa CDI (que se aproxima da taxa Selic) e os de longo prazo são indexados pela inflação. Isso significa que o investidor vai receber o percentual do IPCA do período da debênture mais um adicional de juros, que é acertado no momento da negociação.


Incentivadas

Para colaborar com o desenvolvimento da infraestrutura do país, em 2011 o governo federal criou a lei que viabiliza a existência das debêntures incentivadas. Elas são emitidas por empresas exclusivamente para projetos de infraestrutura, como construção de estradas, obras de saneamento ou expansão de redes de telecomunicações, por exemplo. Nesses casos, quem investe nessas debêntures é isento de imposto de renda.

E aí está uma ótima oportunidade, já que os juros pagos pelas debêntures geralmente são superiores aos juros dos títulos emitidos pelos bancos, como os CDBs. Soma-se, então, a essa vantagem a isenção de imposto de renda.


Direto ou com fundos

Há duas maneiras de investir em debêntures: diretamente ou por meio dos fundos de investimento especializados nesses títulos. “Para comprar uma debênture diretamente, a pessoa precisa conhecer bem a empresa que está emitindo, ver as garantias, a receita e muitas outras variáveis. Por isso, precisa ter muito conhecimento. A vantagem dos fundos é que eles fazem todo esse trabalho para o investidor”, diz Sandra Blanco, consultora de investimentos.

Deixe uma resposta